Hino de Iperó

Jacira Camargo
Jacira Camargo, autora da letra do Hino de Iperó. (Bia Moraga)

Letra: Jacira Camargo
Arranjo musical: Lauro Holtz
Eleito o hino da cidade através de um concurso realizado pela Prefeitura de Iperó em 1999

1 – Nesta terra de riquezas minerais
Descoberta por seu brilho triunfante
Ipanema, Patrimônio Nacional.
Percorrida por valentes Bandeirantes,
Explorando águas e matas sem cessar.
Um povoado veio aqui acontecer.
E mais tarde esse morro tão marcante,
De nossa história que fez Iperó nascer.

REF: Vinte e um de março, alegria e emoção,
Iperó emancipada pra valer.
Já foi berço dos heróis de tradição,
Hoje é área de indústria e lazer.

2 – A ferrovia que foi marco do progresso,
Seu ramal da capital interior.
O algodão que hoje só deixa saudades,
São lembranças, mas que tem real valor.
Santo Antonio e Esplanada já se foram,
Nomes dados a esta terra com amor.
Vejo agora Iperó nas dimensões
E a nossa cana adoçando os corações.

3 – Terras fartas de belezas naturais,
Rio envolto por seus verdes fulgurantes,
A nobreza da memória vai ficar,
Como as águas que serviam os sitiantes.
Bela Vista, que paisagem magistral,
Foi refletida das grandezas varonis.
Abençoada pelo Pai Celestial,
Hoje Iperó é um orgulho do Brasil.