Livro de Visitas

A partir deste LIVRO DE VISITAS, conforme surgem novos relatos sobre Iperó eles são acrescentados aos “Fragmentos de história”. É um espaço idealizado originalmente pelo Augusto Daniel Pavon. Com pequenas crônicas, juntamos várias peças do grande quebra-cabeça que é a história de uma cidade como a nossa.

É o próprio Pavon quem explica: “Para resgatarmos a história não bastam fotos e opiniões de pessoas queridas ou simpáticas. Precisamos garimpar. E ainda é possível: pessoas que viveram, registraram, se empolgaram, têm senso crítico e possam nos dar uma sequência histórica aos fatos. A ideia é simples: com as nossas recordações e histórias, nos utilizando de narrativas, descrições e crônicas, resgatar dados para subsidiar a história informal de Iperó. Com isso, ofereceremos uma visão da dinâmica de vida da época.”

Portanto, fica o convite para que cada um deixe uma mensagem ou escreva as suas histórias vividas em Iperó. São registros muito importantes.

Obrigado e um grande abraço a todos,

Hugo Augusto Rodrigues

Escreva a sua mensagem

 
 
 
 
 
 
 
Obrigado por acessar o site.
Hugo Augusto Rodrigues - 31 de agosto de 2017
Meus amigos,
Depois de mais de dois anos impossibilitados de escrever no livro de visitas, devido à imensa quantidade de spans, enfim ele está reaberto para o registro de novas histórias.
Junto à reabertura do livro, que por sinal é um novo livro, está no ar também um novo site "Cidade de Iperó".
Uma versão mais moderna e dinâmica, mas sem perder de vista tudo aquilo que nos trouxe até aqui. São 7 anos de site e 14 anos de pesquisas.
Fiquem à vontade para escrever e compartilhar material com a gente. É uma imensa alegria ter a oportunidade de levar adiante esse trabalho, que na versão atual já apresenta mais de 2.400 imagens sobre Iperó e centenas de histórias relacionadas à cidade em épocas diversas.
Tudo isso confirma que a nossa memória já não está perdida mais, mas ainda há muito por fazer.
Grande abraço, obrigado a todos e fiquem com Deus!!!
Hugo