Livro de Visitas

A partir deste LIVRO DE VISITAS, conforme surgem novos relatos sobre Iperó eles são acrescentados aos “Fragmentos de história”. É um espaço idealizado originalmente pelo Augusto Daniel Pavon. Com pequenas crônicas, juntamos várias peças do grande quebra-cabeça que é a história de uma cidade como a nossa.

É o próprio Pavon quem explica: “Para resgatarmos a história não bastam fotos e opiniões de pessoas queridas ou simpáticas. Precisamos garimpar. E ainda é possível: pessoas que viveram, registraram, se empolgaram, têm senso crítico e possam nos dar uma sequência histórica aos fatos. A ideia é simples: com as nossas recordações e histórias, nos utilizando de narrativas, descrições e crônicas, resgatar dados para subsidiar a história informal de Iperó. Com isso, ofereceremos uma visão da dinâmica de vida da época.”

Portanto, fica o convite para que cada um deixe uma mensagem ou escreva as suas histórias vividas em Iperó. São registros muito importantes.

Obrigado e um grande abraço a todos,

Hugo Augusto Rodrigues

Escreva a sua mensagem

 
 
 
 
 
 
 
Obrigado por acessar o site.
JOSE GONZAGA FABREGAT
PARABÉNS AO POVO DE IPERÓ E A TODOS OS ORGANIZADORES DESTE TRABALHO MARAVILHOSO.
ASSIM PODEMOS CONHECER MUITO MAIS DESTA CIDADE QUE É O MARCO DO POVO QUE VINHA DE TRENS LÁ DA ALTA SOROCABANA. QUANDO PASSÁVAMOS POR IPERÓ PARECIA QUE A VIAGEM SE TORNAVA MAIS ALEGRE E CONTAGIANTE. SEMPRE CONVERSÁVAMOS COM ALGUÉM DE IPERÓ QUE EMBARCAVA NOS TRENS E VINHA PARA SOROCABA TRABALHAR, NA CIDADE OU NAS OFICINAS DA SOROCABANA.
DEPOIS QUE FUI REMOVIDO DE PRESIDENTE EPITÁCIO PARA A BARRA FUNDA É QUE FUI CONHECER DE VERDADE ESTA CIDADE.
PASSAVA QUASE SEMPRE TRABALHANDO COMO MAQUINISTA POR IPERÓ, E O AR ATÉ RENOVAVA PARA NÓS. COMO ERA GOSTOSO PASSAR POR IPERÓ E RUMAR A BOTUCATU.
MEUS CUMPRIMENTOS A TODOS DESTA BELA CIDADE.